DISPOSIÇÕES GERAIS


- Não será permitida a entrada de retardatários no Processo Seletivo

- Somente admitir-se-á a entrada do candidato na Sala de Provas, mediante a apresentação do Cartão de Inscrição e da Cédula de Identidade, ou documento oficial de identificação nos ditames da legislação vigente.

- Será sumariamente excluído do Processo Seletivo, o Candidato que, comprovadamente, se utilizar de processos fraudulentos no decorrer das Provas ou na Matrícula.

- Não será classificado o candidato que não atingir os mínimos fixados no Critério de Qualificação, constante no Edital.

- O candidato que não apresentar até o último dia do prazo estipulado para matrícula o requerimento devidamente instruído com os documentos exigidos, será considerado desistente. Para sua vaga, em 2ª Chamada, será convocado o candidato imediatamente classificado, pela ordem.

- Serão nulas de pleno direito, tanto a classificação em Processo Seletivo, quanto a matrícula de candidatos, que não tenham concluído o Ensino Médio ou equivalente, conforme disposto na Lei nº 9.394, art. 44, II.

- Os documentos deverão ser apresentados, em duas vias, acompanhadas dos respectivos originais para autenticação pelo CESEP.

- Todos os alunos, regularmente matriculados, obrigam-se, nos semestres finais dos Cursos, à realização de Monografia realizada sob titulo de Trabalho de Graduação ou Trabalho de Conclusão de Curso, se estiver assim determinado no Projeto Pedagógico do Curso,  bem como ao Estágio Supervisionado conforme as Diretrizes Curriculares específicas de cada curso.

- A inscrição ao Processo Seletivo poderá ser feita por terceiros, independentemente de procuração.

- É de total responsabilidade do candidato a fidedignidade das informações prestadas no ato da inscrição no Processo Seletivo.

- Não serão formadas salas cujo número de matriculados seja inferior a 60% (sessenta por cento)  das vagas autorizadas.

- Em hipótese alguma será devolvido o valor pago referente à Taxa de Inscrição para realização de Processo Seletivo.

- O candidato Portador de Deficiência Física que exija condições especiais ou instalações apropriadas às suas necessidades, comprovada por Laudo Médico, deverá identificá-las no ato da inscrição, no prazo de 10 (dez) dias antecedentes à data da prova,  sob pena de em não o fazendo submeter-se às mesmas condições de realização de prova dos demais candidatos.

- Casos omissos relativos ao Processo Seletivo, serão resolvidos pela Comissão de Ingresso aos Cursos de Graduação do CESEP, designada em Portaria.